segunda-feira, 17 de janeiro de 2011

Guarda Civil Municipal amplia fiscalização contra uso de cerol

Soltar pipas é uma das brincadeiras favoritas das crianças. Mas o que parece ser uma simples brincadeira infantil pode ser perigoso e até fatal, principalmente para motociclistas, que são as principais vítimas.

O perigo está nas linhas das pipas com o chamado cerol, uma mistura de cola e vidro moído usada para cortar a linha de outras pipas. Para evitar acidentes na cidade, a Guarda Civil Municipal (GCM) com o apoio da Polícia Militar, está intensificando a fiscalização em todos os bairros para combater esta prática.

“Intensificamos o patrulhamento em vários bairros e principalmente em locais abertos onde a criançada costuma brincar. Se constatarmos que a linha está com o cerol, fazemos o recolhimento do material, diz o Guarda Municipal em operação”

Multa

O uso do cerol é proibido por Lei Municipal. No caso do infrator ser menor de idade, os pais ou responsáveis são penalizados com multa.

Vítimas

De acordo com a GCM, o uso do cortante já deixou diversas pessoas feridas na cidade em anos anteriores. Após a intensificação deste tipo de operação não foram registrados mais casos. As vítimas tiveram ferimentos graves no rosto e pescoço e foram atendidas pelo Resgate da Guarda Municipal e encaminhadas ao Pronto Socorro.

Já foram apreendidas diversas pipas, rolos de linha com cerol e potes com vidro moído com cola, câmara de ar e garrafas de vidro para a fabricação da mistura cortante. Todo o material apreendido será incinerado.

Segundo a GCM, denúncias podem ser feitas pelos telefones:
153 / 199 Guarda Municipal
ou 190 Polícia Militar
As instituições trabalham juntas no combate a esta prática irregular.

Recomendações

- Tenha cuidados quando da manipulação de pipas e papagaios;
- Prefira locais abertos como parques, praças ou campos de futebol, evitando lugares onde haja trânsito de veículos, antenas, postes, fios ou cabos elétricos;
- Não empine pipa em cima de lajes e telhados, isto pode ocasionar quedas por distração;
- Jamais utilize linha com cerol (mistura de cola com vidro moído);
- Não faça pipas com papel laminado, pois o risco de choque elétrico é maior;
- Tome cuidado com ruas e lugares movimentados, principalmente quando andar para trás, pois pode ter algum buraco ou veículo transitando;
- Atenção especial com os motociclistas e ciclistas - a linha pode ser perigosa para eles;
- Se a pipa enroscar em fios, não tente tirá-la. É melhor fazer outra. Nunca use canos, vergalhões ou bambus para retirá-la;
- Ao correr atrás das pipas, muito cuidado com o trânsito;
- Recomenda-se aos motociclistas o uso de antenas anti-linhas.

Segundo o CMT Edilson Correia, “É preciso que os pais alertem os filhos, pois em caso de acidente, vão responder judicialmente por eles. A Guarda Municipal confisca o material irregular. Mas se houver danos à integridade física de alguém, a GM conduz a pessoa ao Distrito Policial. Já envolvendo menores é acionado o Conselho Tutelar que os conduz e apresenta juntamente com os GCM’s à autoridade policial, para as medidas cabíveis.
“Além da apreensão do material, os Guardas também estão orientando as crianças e quando possível os familiares sobre os riscos do cerol”, ressaltou o Comandante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário